BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
BackgroundDN
Desafio 2012
DNEscolas Apresenta-se

Regulamento
O Meu DN
Links

O FOTOJORNALISMO

A fotografia tem uma natureza documental aproveitada para ilustrar um acontecimento. Muitas vezes encaradas como complemento das histórias narradas nas páginas de um jornal, podem, em várias situações, ser em si mesmas a notícia. Face a acontecimentos poderosos, como por exemplo o furacão Katrina que devastou New Orleans em 2005, ou retratos emblemáticos como o regresso de Fidel Castro à vida pública depois da ausência por doença, contam, por si só, uma história. Numa primeira página de jornal as fotos assumem, a par com os títulos, um papel vital na atenção do público, daí ser fundamental conseguir boas imagens e escolher as melhores.

O QUE FAZ UMA BOA FOTOGRAFIA

Uma boa fotografia é aquela que prima pela originalidade e intensidade. Um bom fotógrafo não perde o momento; procura os ângulos mais originais para obter uma imagem completamente distinta de tantas outras. Não basta um clique. De um sem número de fotos tiradas, pode haver apenas uma que retrate fielmente a história que se testemunha.

IMAGEM DIGITAL VERSUS FOTOGRAFIA DE PELÍCULA

A imagem digital assumiu, no mundo do jornalismo, um papel dominante relativamente à fotografia de película que é mais utilizada hoje para ampliações de grande dimensão e quando se deseja uma imagem com qualidade superior. A fotografia digital tem uma vantagem que no jornalismo é vital: o tempo.

FOTOJORNALISMO NO DN

Para os fotojornalistas, aquele ditado de que “uma imagem vale mais do que mil palavras” assenta que nem uma luva.
Mas a fotografia é mais do que premir um botão. No caso de uma publicação como o DN, há que saber captar o momento, colocar-se um pouco no lugar do público, ser um pouco os seus olhos; ter que, através de uma imagem contar uma história. Um repórter fotográfico tem de ser paciente e persistente e tem, acima de tudo, que ser sensível ao que o rodeia.

 

CONCEITOS-CHAVE

Fotojornalismo

É informação jornalística através da imagem fotográfica. Um acontecimento pode ser narrado apenas com a fotografia e legendas. No caso de um jornal, é um complemento ou ilustração de um texto. A fotografia testemunha, surpreende, faz imaginar, conta histórias.

Fotografia

A fotografia num jornal tem por objectivo ilustrar a notícia ou, em alguns casos, ser em si mesmo a notícia. Resulta de um trabalho de equipa entre o jornalista que escreve o texto e que assume determinadas opções editoriais e do fotógrafo que, ao captar uma determinada imagem, tem subjacente a objectividade do momento a captar a subjectividade de como escolheu captar esse momento.

Legenda

Texto que acompanha uma fotografia ou outro tipo de imagem. Identifica personagens e acontecimentos. Deve ser breve e atractiva remetendo o leitor para o resto do texto. A legenda poderá até ser uma citação, ou um excerto retirados do texto principal. Quando a fotografia é o elemento principal, a legenda poderá ser mais extensa, passando a designar-se “fotolegenda”.

Fotomontagem

Imagem fabricada a partir de imagens reais. A sua publicação poderá ser justificada pela dificuldade ou impossibilidade de se obter uma foto específica. Deverá ser sempre identificada como fotomontagem por motivos éticos.

SABER MAIS

Sites

laranja-mecanica.com

digitaljournalist.org
Revista online sobre fotojornalismo na era digital

worldpressphoto.org
Versão online daquela que é hoje a maior referência no jornalismo de imprensa.

Livros

“Fotografia e Sociedade”, de Gisèle Freund, Vega editora.

“Câmara clara”, de Roland Barthes.

“Magnum”, da Magum.

“Through the Lens: National Geographic Greatest Photographs”

Filmes

“Salvador” (1986), de Oliver Stone
Retrata a guerra civil de El Salvador vista através da lente de um jornalista fracassado que tenta recuperar o prestígio fazendo uma cobertura intensa dos factos. O jornalista, protagonizado por James Woods, tira todas as fotos da linha da frente da batalha, mostrando ao mundo a dor da guerra naquele país.

“As pontes de Madison County” (1995 ), de Clint Eastwood
Conta a história de Robert Kincaid, um fotógrafo da National Geographic que se sente em desarmonia com o seu tempo.. Protagonizado por Clint Eastwood e Meryl Streep.

“As bandeiras dos nossos pais” realizado por Clint Eastwood
Estreado em 2007, este filme reporta a Fevereiro de 1945 quando uma das batalhas mais sangrentas e cruciais da 2ª Grande Guerra, a luta pela ilha de Iwo Jima, culminou com uma das imagens mais memoráveis da história: cinco fuzileiros e um oficial da marinha a erguerem a bandeira americana no Monte Suribachi. A fotografia inspiradora que capturou esse momento tornou-se um símbolo de vitória para uma nação que cresceu cansada da guerra e transformou em heróis instantâneos os seis americanos na base da bandeira, alguns dos quais morreram pouco tempo depois, sem saberem que tinham sido imortalizados. Ryan Phillippe e Paul Walker são dois dos protagonistas.